sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Breve história do desemprego nos últimos 60 anos

Anos 50: Robinson é criador de cabras (ativo) e Sexta-feira ajuda-o nas tarefas, mas não recebe salário (inativo). Taxa de desemprego = 0% (=0/1).
Anos 60: Robinson é agricultor e Sexta-feira cumpre o serviço militar numa ilha vizinha. Taxa de desemprego = 0% (=0/1).
Finais anos 60: Robinson é agricultor e Sexta-feira emigrou. Taxa de desemprego = 0% (=0/1).
Anos 70: A ilha foi nacionalizada. Robinson é diretor-geral da Direção Geral de Agricultura e Pescas e Sexta-feira reparte o seu tempo entre ações de alfabetização popular e a frequência do ano propedêutico. Taxa de desemprego = 0% (=0/1).
Anos 80: A ilha foi comprada por um industrial da ilha Norte. Robinson é nomeado director da ilha e compra uma máquina de costura para Sexta-feira. As tangas fabricadas são vendidas para outras ilhas. Taxa de desemprego = 0% (=0/2).
Anos 90: Robinson Compra um tractor com fundos oferecidos pela administração do arquipélago. Recebe também um subsídio para deixar de colher cocos. Sexta-feira deixa a máquina de costura e dedica-se a construir uma casa para Robinson. Taxa de desemprego = 0% (=0/2).
Anos 2000: Robinson compra a ilha com recurso a crédito e assume o cargo de CEO e Chairman da ilha. Pede mais dinheiro emprestado ao arquipélago e resolve ampliar a casa e construir um campo de futebol. Sexta-feira trabalha nas obras. Taxa de desemprego = 0% (=0/2).
Ano 2011: O arquipélago já não empresta mais fundos a Robinson. Este vende a ilha aos chineses, e é nomeado Director-Geral. Sexta-Feira é despedido. Taxa de desemprego = 50% (=1/2).
Ano 2014: Os chineses pagam cada vez menos a Robinson. Este retoma a criação de cabras. Sexta-Feira emigra. Taxa de desemprego = 0% (=0/1).

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não são permitidos comentários anónimos.