quarta-feira, 5 de julho de 2017

Excedentários

Em 2004, os Professores Frank Levy do MIT e Richard Murnane de Harvard publicaram um estudo minucioso sobre as profissões com mais probabilidades de serem robotizadas num futuro próximo. Dessa lista, excluíram os camionistas, que achavam estar a salvo do processo de robotização em curso. Na altura, não lhes passou pela cabeça que algoritmos informáticos pudessem conduzir camiões de forma segura. Não foi preciso muito tempo para perceberem que estavam enganados. Camionistas, seguranças, mediadores de seguros, guias turísticos, médicos, correctores, advogados, contabilistas, bancários, professores, etc. ninguém está seguro. Como diz Yuval Noah Harari em “Homo Deus”, muito provavelmente a grande questão económica do século XXI é: o que farão os excedentários, os desempregados, pior ainda, os “inempregáveis”? É melhor a sociedade começar a colocar já estas questões.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não são permitidos comentários anónimos.