quarta-feira, 10 de maio de 2017

Teorias

Já devem saber que Donald Trump despediu o director do FBI, James Comey, com a justificação de que o seu testemunho ontem no Congresso acerca dos e-mails de Hillary Clinton não foi factual. O testemunho exagerava o número de e-mails supostamente comprometedores e prejudicava, mais uma vez, a reputação de Hillary Clinton. 

Donald Trump elogiou a forma como Comey lidou com a re-abertura da investigação dos e-mails em Outubro do ano passado; agora despede uma pessoa que disse ser altamente competente. Ontem e hoje, uma das questões em aberto para a qual ninguém tem resposta foi era o porquê de Donald Trump ter contratado Michael Flynn para National Security Adviser e porque é que este só foi despedido 18 dias depois de se saber que tinha induzido Mike Pence em erro. 

Acho que o despedimento de Comey é apenas uma manobra para desviar as atenções das investigações da ligações da Rússia à campanha de Trump. Mas nesta altura do campeonato, acho que é difícil não cair na tentação de teorias de conspiração...

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não são permitidos comentários anónimos.