segunda-feira, 8 de maio de 2017

Uma oportunidade perdida...

"Pedro Marques, ministro do Planeamento e Infraestruturas diz que investimento público cresceu mais de 25% relativamente ao primeiro trimestre de 2016. 'Estamos com o dobro dos contratos de obras públicas', declarou Pedro Marques aos jornalistas, em Coimbra."

Fonte: Eco, 8/5/2017

No ano passado, o governo a esforçou-se imenso para atingir a meta do défice e, para tal, cortou o investimento público. Agora anuncia que houve um crescimento de 25% nos fundos investidos no primeiro trimestre de 2017, relativamente ao período homólogo do ano passado. À vista desarmada, parece que isto é bom, mas isto constitui uma das maiores oportunidades perdidas de Portugal dos últimos anos.

Se o governo tivesse cortado o investimento público no ano passado ainda mais, para um valor perto de zero -- um cêntimo seria o ideal --, teria tido um défice ainda melhor e, este ano, se se investisse apenas 11 cêntimos, o investimento público poderia crescer 1000%. Imaginem! O défice seria pequenino e o aumento do investimento público astronómico. Não era maravilhoso?!?

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não são permitidos comentários anónimos.