terça-feira, 21 de abril de 2015

À atenção dos senhores professores em serviço de júri de doutoramento

O Público indignou-se - e bem - com o facto de algumas funcionárias terem de espremer as mamas para fazer prova de estarem a amamentar. Nessa campanha para proteger partes do corpo humano de serem espremidos para fazer prova de alguma coisa, podemos incluir o cérebro?

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não são permitidos comentários anónimos.