quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Recalibração

Apaguem o sol,
Oprime-me a luz do dia.
Quero chuva, trovoada, vento.
Uma tormenta que me dê alento.
Já não suporto o azul,
Fonte de tanta alegria.
Sorrir já nem sequer tento,
Morreu-me a vontade desse momento.

Quanto terminei de escrever isto, olhei para o meu telefone e apareceu uma notificação do LA-C. Só apareceram as primeiras letras e dizia "Quero voltar a verte.Beij..." Achei aquilo tão estranho, que pensei estar a alucinar.

Abri o telefone e li a mensagem "Quero volta a verte.Beijinhos da Laura." Era a Lauríssima que irá ser, um dia, Primeira-Ministra de Portugal e depois Presidente da República. Ri e chorei aos soluços. A última vez que estive com a Laura, recebi instruções muito precisas, como atesta a nota abaixo:

E hoje eu não sabia, mas tinha saudades da Laura porque a Laura, como as outras crianças de Portugal, representam o melhor que Portugal tem. E nestes últimos dias, tenho sentido falta disso. A Laura meteu-me na ordem e voltou a lembrar-me do que era esperado de mim...

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não são permitidos comentários anónimos.