sexta-feira, 12 de fevereiro de 2021

Version 2.283

Cancelámos a viagem a Nashville de amanhã devido ao mau tempo, dado que hoje acordámos com tudo cheio de gelo. Até foi engraçado porque, quando cheguei à sala de jantar e olhei para o bordo japonês no jardim, não percebi porque estava cor-do-rosa, mas era do gelo. Os passarinhos andavam todos contentes ou talvez estivessem aflitos que a comida estivesse congelada, mas meti uma taça de comida fresca num sítio resguardado para que não congelasse e foi apreciado o meu esforço.

À noite, decidi fazer uma sopa tradicional portuguesa para levar à minha vizinha amanhã. Aparentemente, ela gosta da minha sopa e come bem. Há dias em que não sabemos o que lhe dar de comer porque o cérebro dela já está muito avariado: sente-se cheia sem ter comido, não consegue manter a temperatura do corpo e alterna sentir frio ou calor extremo. Não sou médica, mas parece-me que andamos num ciclo vicioso: ela sente-se mal e perde o apetite e depois porque perde o apetite não come o suficiente e sente-se mal.

Por isso quando lhe faço sopa, carrego no toucinho, quanto mais gordura melhor para ela ter um número suficiente de calorias. E depois as hortaliças também ajudam alguma coisa, não nas calorias, mas nos nutrientes. E ela gosta, o que é o mais importante. Aliás, torce o nariz à sopa enlatada, mas pede a minha, que é aportuguesada. Não é bem portuguesa porque as minhas sopas são de limpar o frigorífico e não sigo receitas, mas hoje fiz uma excepção e ficou bastante boa. Amanhã vou fazer uns muffins salgados para acompanhar e levo-os ainda a fumegar do forno.

A minha vizinha de Houston escreveu-me um email hoje. Parece estar animada, apesar das nossas aventuras em tempos de pandemia. Agora anda a ver a impugnação do Presidente Trump. Incomoda-a a atitude dos Republicanos, mas eu até estou agradecida por toda esta confusão porque ela assim não morre, apesar dos quase 96 anos. Enquanto o Trump for uma ameaça, ela dura. 

E andamos assim: uma sobrevive à base de sopa e a outra à base de julgamentos do Trump. Desde que resulte, sou a favor.

 

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não são permitidos comentários anónimos.